Produtor investe em plantação totalmente natural no norte do TO

Há cerca de dois meses, o produtor rural Marcos Antônio Feitosa, de Muricilândia, no norte do Tocantins, resolveu investir na produção orgânica. A ideia inicial era produzir apenas para a família, mas deu tão certo que agora, ele já oferece o produto para as cidades vizinhas. "A gente vende de casa em casa, em alguns mercados."

Feitosa cultiva abóbora, quiabo e jiló. Tudo é natural, o produto orgânico não é apenas cultivado sem o uso de adubos químicos e agrotóxicos. Todo o manejo agrícola está baseado no respeito ao meio ambiente, já que esse tipo de agricultura promove a fertilidade do solo.

"A principal diferença é que o produto sem agrotóxico é saudável. A pessoa pode colher e comer, o que não pode ser feito com o produto que tem veneno, se você não souber manusear vai te causar problema de saúde", explica o zootecnista Edson da Costa Castro.

Como não tem produto químico na horta, o inseticida para matar as pragas também é natural. "Aqui a gente pega o xixi da vaca no curral, põe na garrafa, deixa ela fermentar por três dias, mistura com água e joga", diz Feitosa.

A limpeza também é fundamental. Para isso, Feitosa conta com a ajuda da família para tirar o mato que cresce em volta. "Não há um tempo exato para limpeza. Quando começa a nascer a praga tem que ir cima, senão toma conta e atrai insetos também."

 

Compartilhar

Desenvolvido por